top of page
Buscar
  • Foto do escritorÁbaco

BRB tem prejuízo de R$ 455 milhões em parceria com Flamengo


O Nação BRBFla é uma parceria criada entre o Banco de Brasília e o clube carioca, Flamengo. O plano projetado era utilizar o nome e a torcida, que de acordo com uma pesquisa recente do Datafolha, é o clube do coração de 21% dos brasileiros, sendo assim a maior do Brasil, para alavancar o número de clientes da instituição financeira ao redor do Brasil. Entretanto, de acordo com um relatório do Conselho Fiscal da instituição, as concessões de crédito especialmente para flamenguistas foram onde tudo pode ter ido por água abaixo, afinal até o dia 30/06/2023, o BRB registrava um acúmulo de perdas de R$ 455 milhões com o projeto da Nação BRBFla nos últimos 3 anos.

De acordo com o relatório supracitado, os números são alarmantes não só para o setor no qual o BRB se insere, mas também pelo fato de que supera e muito a inadimplência de outras parcerias em que a instituição financeira participa. Utilizando os dados levantados pela Folha de São Paulo, o BRB contava com uma carta ativa de crédito de R$ 433 milhões, e as operações em empréstimos para torcedores do Flamengo representavam RS 445 milhões, ou seja, um comprometimento de 105% da linha de crédito da instituição. Considerando os empréstimos concedidos e ainda em vigor, 25,9%, valor que representa R$ 112 milhões, estão com atraso de mais de 90 dias, enquanto outros 19,2% das operações vigentes, cerca de R$ 83 milhões, se encontram em pré-inadimplência, com suas parcelas em atraso entre 15 e 90 dias.

Se o dramático caso se arrastar, e não tiver uma resolução até os fechamentos de contas do ano, o BRB terá de reconhecer mais de R$ 295 milhões de prejuízo em operações realizadas no Nação BRBFla, emprestando dinheiro para torcedores do clube carioca, seja por meio do crédito pessoal, seja por questões de cartão de crédito.

Até o momento, pode-se dizer que a parceria firmada entre as duas instituições só trouxe benefícios aos inadimplentes, que pedem recursos e não pagam suas dividas com o banco. Porém, enquanto o BRB arca com os prejuízos gerados pelo Nação BRBFla, assumindo os altíssimos valores enquadrados em Perdas Estimadas com Credito de Liquidação Duvidosa (PECLD), o Flamengo continua se beneficiando. A parceria conta com um acordo anual de R$ 32 milhões.

Diante do presente cenário, a instituição a bancária busca um sócio com extrema urgência para dividir as perdas e diminuir o vazamento de recursos que existe no momento, além de tentar reduzir as percepções negativas acerca da imagem só banco no mercado. Recentemente a diretoria do BRB sinalizou ao Conselho Federal que tais prejuízos representavam apenas 1,6% da carteira total de crédito para pessoas físicas da instituição.

Enquanto essa situação continua sem uma luz no final do túnel, o Banco de Brasília precisa se precaver contra as perdas e seguir às exigências do Banco Central, sendo forçado a reservar parte de seu patrimônio como Provisão de Devedores Duvidosos (PDD), que em junho já totalizava R$ 134 milhões.

27 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page